Opinião 2 anos atrás

EU DETERMINO…

Tal e qual o que dizem os comerciais do governo do estado, veiculados à exaustão, ele não faz mais do que a sua obrigação.

compartilhar

Onde deseja compartilhar?

0 visitas.

Malograda a tosta e amadora tentativa de golpe, orquestrada por três deputados do PT – todos eles advogados, sabe-se lá como foram aprovados no exame da OAB – e um desembargador de plantão, que agiu com improbidade, imperícia e notório alinhamento político partidário, ao determinar a soltura de Lula, restou o que o PT pretendia: criar um factoide, demonstrar o quão fácil é, com um pedido juridicamente inaceitável, se mobilizar todas as instâncias do judiciário federal e se desmoralizar aquele poder.
Em Manaus, um portal de notícias não criou um factoide, mas estampou manchete a usar o verbo “determinar”, como se o ato do governador Amazonino Mendes de autorizar o pagamento da 1ª parcela do 13º salário dos servidores públicos estaduais, para os dias 30 e 31 de julho, fosse um grandíssimo feito. Tal e qual o que dizem os comerciais do governo do estado, veiculados à exaustão, ele não faz mais do que a sua obrigação.
Cotejar com o que governantes anteriores possam ter feito – pagar em mais de duas parcelas – é oportunismo. Até parece que os salários atrasados desde 2015, da saúde, educação e segurança, foram pagos integralmente – promessas de campanha registradas no TRE –, há atrasos pontuais. Sem contar os protestos de funcionários terceirizados, que trabalham em hospitais públicos do estado.

 

• O 13º salário foi instituído pela Lei 4.090/62 e pela Lei 4.749/65, e regulamentado pelo Decreto 57.155/65. Esses atos normativos dispõem que o pagamento deva ser feito em duas parcelas, a primeira, equivalente a 50% do valor a que o empregado tem direito pode ser paga até o dia 30 de novembro de cada ano e a segunda parcela, equivalente aos 50% restantes, até o dia 20 de dezembro de cada ano.

Comente

banner

Veja mais

banner
sobre

Lucio
Bezerra

Manauara, criado na José Clemente, Rua integrante do mais famoso quadrilátero do planeta Terra. Torcedor do Fluminense, filho de Luiz e Joanna, canhoto, apreciador de vinho, cantor de banheiro, ex-atleta, ex-cabeludo, arremedo de poeta e escritor, sonhador e eterno aprendiz.

24901visitas.

Últimas Reminiscências